Por Maranhão Esportes.

Sampaio Corrêa e Imperatriz voltam a se enfrentar, neste domingo, às 17 horas, no estádio Nhozinho Santos, decidindo o 1º turno da Copa  União. Por ter a melhor campanha da competição, o Tricolor maranhense entrou nessa decisão com a vantagem de jogar por dois empates e como empatou o primeiro  duelo da final, por 2 a 2, no estádio Frei Epifânio d`Abadia, em Imperatriz, domingo passado, o Tubarão só precisa de um novo empate para ser o campeão do turno e se garantir na finaldo torneio.Copa

RETROSPECTO – O Imperatriz para conquistar o turno terá que vencer o Sampaio por qualquer placar. O problema é esse. O Tubarão não perde para o Cavalo de Aço no Nhozinho Santos há cinco anos e 15 dias. A última vez que o Sampaio perdeu para o Imperatriz na capital foi por 2 x 0, no dia 8 de outubro de 2006, pelo Campeonato Estadual. De lá para cá, os dois times se enfrentaram por oito vezes, com quatro vitórias bolivianas e quatro empates. O Sampaio marcou 11 gols e sofreu quatro.

EQUIPES – O Sampaio está definido desde quinta-feira, pelo técnico Josué Teixeira, que não faz nenhum mistério na escalação da equipe. Será a mesma que empatou em Imperatriz. Existiu a possibilidade do meia/atacante Lenilson estrear logo de saída, em lugar de Cleiton, que a principio, teria três cartões amarelos, mas depois foi constado que ele só tem dois e com isso, permaneceu como titular. Quem está muito confiante para essa decisão é o atacante Júnior Chicão.

Em boa fase e agora de bem com a vida, Júnior Chicão espera voltar as balançar as redes. Nos últimos três jogos, ele marcou seis gols e virou artilheiro isolado da Copa União, com sete gols, recebendo muitos elogios do técnico Josué Teixeira. “Ele readquiriu confiança no seu futebol. É um jogador  forte, alto e que tem um grande potencial. Está aproveitando bem a chance que estamos lhe dando. Fizemos bem em apostar nele”, comentou. Júnior Chicão disse que era uma questão de paciência.

Continue lendo aqui.