Por Redação SportNet no Nordestebol.

A derrota por 1×0 para o Goiás em plena Ilha do Retiro foi a gota d’água para a torcida do Sport “perder a cabeça” e cometer atos de vandalismo dentro do patrimônio do próprio clube. Revoltados com a incompetência do time rubro-negro torcedores protestaram contra os jogadores e os dirigentes do Leão e ainda por cima danificaram os ônibus da agremiação, veículos de torcedores e da imprensa (atirando pedras e garrafas de cerveja), feriram seguranças e também fizeram arrastões.

Continue lendo aqui.