Por Sílvio Loredo, do Blog do Loredo

O Bragantino conseguiu um importante resultado na tarde deste domingo, no Pacaembu, em São Paulo, quando empatou com o Corinthians em 1 a 1. Serginho abriu o marcador para o Massa Bruta logo aos 2 min da primeira etapa, aproveitando um vacilo do sistema defensivo do Corinthians. Ele pegou um sobra de bola, dentro da área, depois de uma cobrança de falta de Romarinho e a defesa parcial de Júlio César.

A grande surpresa no início do jogo foi a escalação do Bragantino que veio a campo com Paulo Roberto no lugar de Diego Paulista, deixando a equipe com opções ofensivas e capaz de incomodar o time do Corinthians.

O Corinthians insistiu em arremates da entrada da área e o goleiro Alê foi um dos destaques da primeira etapa. Aos 45 min, o zagueiro Murilo Henrique, que já tinha o cartão amarelo, cometeu falta e foi expulso de campo.

Com um jogador a menos o Corinthians pressionou no início da segunda etapa e Ramirez empatou a partida aos 5 min, acertando um belo chute de fora da área.

Aos 10 min, Marcelo Veiga promoveu duas alterações. O zagueiro Guilherme e o volante Diego Paulista entraram nos lugares de Romarinho e Paulo Roberto, respectivamente.

Com dificuldades de penetração e de criação, o time do Corinthians esbarrou na forte marcação do Bragantino e só levou perigo ao gol de Alê nos lances de bola parada.

Vítor Júnior entrou aos 16 min no lugar de Ramon. No entanto, em 10 min ele conseguiu receber dois cartões e ser expulso de campo. A partir dos 26 min os dois times ficaram com 10 jogadores de cada lado e o jogo ficou equilibrado, apesar do maior domínio do Corinthians.

No final, o Bragantino conseguiu se defender, parar o Corinthians e somar um importante ponto para a sequência da competição.

Na próxima quarta-feira, o Braga vai a Itu, enfrentar o Ituano. O jogo está programado para 17 horas.