Por Central do Futebol Gaúcho

Com uma vitória pelo escore mínimo, o Novo Hamburgo derrotou o Lajeadense e avançou à gfase semifinal do primeiro turno do Gauchão. DEtentor da melhor campanha no torneio (20 pontos, 6 vitórias, 2 empates e uma derrota), garante o próximo jogo em casa, contra o Juventude, que eliminou o Veranópolis.

O Novo Hamburgo iniciou atacando, mas o Lajeadense dava a resposta. O equilíbio só foi quebrado aos 24 minutos, em pênalti sofrido por Juba, que ele mesmo cobrou e abriu o placar. Sétimo gol do artilheiro do Gauchão, ao lado de Zulu, do Juventude. O gol animou o Nóia, que terminou melhor em campo.

Na etapa final, com o meia Willian no lugar do volante Tales, o Lajeadense foi para cima, buscando o empate. Willian, inclusive, que em um lance de área se chocou com o goleiro Eduardo Martini, ficando ambos desacordados e houve a necessidade de ambulância. Entrertanto, os atletas se recuperaram e seguiram em campo. A defesa anilada, bem postada, teve atuação eficiente, garantindo o placar e a vaga na semifinal.

Ficha técnica – Gauchão 2012
Novo Hamburgo 1 x 0 Lajeadense
Local: Estádio do Vale (Novo Hamburgo). J: Anderson Daronco. Gol: Juba (pênalti) 24/1T. CV: Luis Henrique (NH).
Novo Hamburgo: Eduardo Martini, Márcio Hahn, Alexandre, Luis Henrique, Pedrinho, Marlon, Chicão, Zaquel, Juninho, Juba, Mendes. Téc.: Itamar Schulle
Lajeadense: Fernando, Alexandre, Micael, Gabriel, Wellington, Rudiero (Juninho Tardeli), Ramos, Tales (Willian), Bruninho, Tatá, Jandson. Téc.: Ben Hur Pereira