Por Kk De Paula, do DNAzul.

Sem conseguir fazer o time render nesse campeonato brasileiro, Ricardinho deixa o Avaí.

Diante de mais uma derrota e mais uma em casa, com um time sem esquema de jogo, com escalações e substituições equivocadas, o técnico avaiano teve vida curta.

Agora com a parada para a Copa das Confederações, cabe ao nosso Clube dar a mão a palmatória e ir buscar o nosso Maria.

Ricardinho de saída do Avaí após terceira derrota

Sim, simplesmente Maria!

O manezinho que foi desvalorizado, o soldado raso, o demitido depois de um título, mas um estudioso do futebol, um trabalhador sério, um cara que pode fazer esse time jogar futebol, que sabe fazer a leitura do jogo.

O jogo de hoje foi um espelho dos jogos anteriores nesse campeonato.

Muito pouco pra se dizer.

Erros na zaga, lateral direito que não rende,  gols perdidos, escalação errada e substituições super equivocadas.

Tirou o Marquinhos e deixou o Bovi?

Um bom jogo do Aelson.

Boa sorte ao Ricardinho e sabedoria aos dirigentes do Clube pra trazer o cara certo.

Outra coisa, o gerente de futebol do Avaí precisa começar a separar o joio do trigo dentro do elenco.