Por Maranhão Esportes.

O Sampaio Corrêa defenderá pela primeira vez a liderança do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro diante do lanterna Rio Branco, hoje, às 19h de Brasília (18h em São Luís), na Arena da Floresta, na capital acreana. Com os mesmos 10 pontos que o vice-líder Fortaleza, mas com um jogo a menos, o Tricolor, além de vencer precisa marcar gols e não sofrer, porque está na frente dos concorrentes diretos no saldo de gols. Já o time acreano precisa com urgência de um triunfo, pois perdeu todos os cinco jogos que disputou, ainda não somou pontos na competição e aparece como sério candidato ao rebaixamento.

A partida entre Sampaio x Rio Branco, além de ser o confronto dos dois times que ocupam os extremos da tabela de classificação do grupo A, é também a primeira na qual o time do Sampaio enfrentará uma equipe comandada pelo técnico Everton Goiano, que treinou o Tricolor até ser substituído por Flávio Araújo. Everton Goiano conhece bem todo o time titular do Sampaio, pois o treinou de janeiro a junho deste ano. Entretanto, Flávio Araújo não vê o fato como problema. “Acho isso muito relativo, porque o time do Sampaio é praticamente o mesmo desde o ano passado e dentro de campo as coisas mudam”, comentou.

Sampaio defende a condição de líder contra o Rio Branco

Outro que não teme o atual técnico do Rio Branco é o atacante Pimentinha, artilheiro do Sampaio na Série C, com quatro gols marcados. Sem medo de cara feia, o xodó da torcida boliviana frisou que já está acostumado com isso, pois tem enfrentado beques durões e nunca se intimidou. “Na hora do jogo, o que resolve é o talento dos atletas”, ressaltou.

Apesar de enfrentar o lanterna do torneio, Flávio Araújo cobrou respeito ao adversário. “Fui jogador profissional por mais de 18 anos e sei que tem atleta que às vezes se acomoda dentro de campo por causa disso, mas não senti nenhum clima de favoritismo, até porque passo para eles que esse tipo de coisa não existe no futebol. As coisas se resolvem dentro de campo”, rechaçou.

Flávio Araújo, que já tem todas as informações sobre o Rio Branco, sabe que o time do Acre está jogando com três volantes, o que indica sua preocupação defensiva. O treinador do Tubarão reconhece que o fato de Everton Goiano ter sido técnico do Sampaio no Estadual pode fazer com que tire proveito disso. Entretanto, comentou que, hoje, o Sampaio tem esquema diferente do que vinha sendo utilizado. “Vamos preparados para enfrentar um adversário difícil”, completou.

O meia Eloir era a única duvidado treinador do Sampaio, Flávio Araújo, que terá força máxima diante do Rio Branco. O jogador treinou separado do grupo durante toda a semana, mas recuperado do desconforto muscular confirmou presença no time titular ao participar do coletivo de apronto sexta-feira no Castelão.