Por Maranhão Esportes

O presidente do Moto Clube Roberto Fernandes, informou nesta sexta-feira  que o dinheiro do ingresso da partida amistosa contra o Cobreloa-CHI será devolvido a partir da próxima segunda-feira (16).

Os torcedores que adquiriram ingresso poderão receber o valor referente ao mesmo no escritório do clube, localizado na Rua de Nazaré, 356, 3º andar, Centro (próximo à Caixa Econômica Federal da Praça João Lisboa).

Nota divulgada pelo Moto Clube

No desejo de proporcionar à sua torcida, eventos que continuem elevando a sua autoestima, a presidência do Moto Club de São Luis, após contato do empresário Ronaldo de Siqueira Silva, acertou um amistoso com o Cobreloa – CHI. As condições contratauais, faziam referência apenas a divisão da renda em iguais condições, livre de qualquer despesa para o referido clube chileno.

Na hora marcada para o início do jogo, o Moto Club de São Luis se fez presente e entrou em campo. No entanto, o Cobreloa – CHI recusou-se a jogar, alegando que seu empresário não honrou com os compromissos contratuais.

Embora dirigentes do clube chileno e empresário tenham isentado o Moto Club de São Luis de qualquer responsabilidade, o desrespeito aos torcedores, profissionais e ao clube de quase cem anos de história, foi flagrante.

Diante do lamentável episódio, resta-me pedir a esta fiel torcida e a todos os profissionais escalados para trabalhar no jogo, as minhas sinceras desculpas e o compromisso do reembolso do valor pago pelo ingresso. Para preservar os direitos e reparar os danos causados, tomaremos todas providências jurídicas necessárias.

Os torcedores que adquiriram ingresso, poderão receber o valor referente ao mesmo a partir de segunda-feira, dia 16 de setembro de 2013, no escritório do clube, localizado na Rua de Nazaré, 356, 3º andar, Centro (próximo à CEF (Caixa Econômica Federal) da Praça João Lisboa).

São Luis, 13 de setembro de 2013

Roberto Fernandes

Presidente | Moto Club de São Luis