WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY form_name VARCHAR(127) CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY field_name VARCHAR(127) CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY field_value longtext CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD COLUMN `field_order` INTEGER

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD COLUMN `file` LONGBLOB

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `submit_time_idx` ( `submit_time` )

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY COLUMN submit_time DECIMAL(16,4) NOT NULL

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `form_name_idx` ( `form_name` )

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `form_name_field_name_idx` ( `form_name`, `field_name` )

Elionar Bombinha (ASA)

Posts Tagged ‘Elionar Bombinha (ASA)’

ABC 4 X 1 ASA – vitória esperada e merecida

sábado, novembro 16th, 2013
Por Diego Ivan, do Papo Alvinegro
Com gols de Giovanni Augusto, Rodrigo Silva, Alvinho e Somália, o ABC venceu o ASA por 4 a 1 quebrando um tabu de 34 anos e dando um passo firme rumo a sobrevivência na Série B. O gol do ASA foi de Elionar Bombinha.
O grande público que foi ao Frasqueirão não saiu decepcionado com resultado do jogo. Se esperava uma vitoria, o ABC venceu. Se esperava um bom jogo, o jogo foi bom. Se esperava a quebra do tabu diante do ASA, o tabu foi pro espaço. A matemática Alvinegra é simples, vencer o Avaí no próximo sábado, chegar aos 45 pontos e tirar féria da Série B.
A partida apesar do placar dilatado foi muito difícil, principalmente por que o ABC teve dificuldades em controlar o jogo após ter marcado aos 2 minutos de jogo. O ASA se soltou e o ABC não viu mais a cor da bola. A marcação frouxa no meio campo, permitiu que o ASA dominasse as ações até empatar o confronto ainda na etapa inicial. Quando Giovanni Augusto e Erick Flores, ele mesmo, resolveram jogar bola o panorama mudou de figura.
Dominando as ações desde o primeiro minuto do segundo tempo o ABC foi buscar a vitoria. Renato e Maurinho, vejam vocês, começaram a causar muito tumultuo pelo lado direto do ataque. Tanto é que o lance do pênalti sobre Renato, convertido por Rodrigo Silva, Maurinho foi pro pau recuperou a bola e lançou Renato. Com 2 a 1 o ASA veio pra cima e nos contra ataques Alvinho e depois Somália num lance fora do normal deram números finais ao jogo.
A chave da vitória do ABC certamente foi o balanço defensivo. Enquanto o ABC não conseguiu articular as jogadas de saída de bola, parando com chutões dos defensores, o ASA quase estraga a festa alvinegra. Quando o ABC começou a sair com a bola dominada, com Renato pelo lado direito e Erick Flores pela meia esquerda, o ASA acabou dominado. A fragilidade defensiva se explica por um detalhe. Daniel Paulista jogou hoje como 3º zagueiro mesmo, jogando quase sempre atrás de Rogélio e Lino, o que sobrecarregou Edson na cabeça de área. No momento em que Edson conseguiu se mais efetivo defensivamente e além disso, Somália entendeu seu papel na lateral esquerda, a defesa não sofreu mais sufoco.
Boa vitoria.
O ABC volta a campo no Frasqueirão sábado que vem, as 16:20hs contra o Avai. É o jogo da permanência na B. Casa cheia é obrigação.
Ficha Técnica
Local: Estádio Frasqueirão, Natal – RN.
Público: 7.768 torcedores.
Árbitro: Wagner do Nasci

mento Magalhaes – RJ.

Assistente 1: Lilian da Silva Fernandes Bruno – RJ.
Assistente 2: Silbert Faria Sisquim – RJ.
4º Árbitro: Suelson D França Medeiros – RN.
ABC(4): Wilson Júnior; Renato, Rogélio, Lino e Somália(1); Édson, Daniel Paulista, Erick Flores (Gílson) e Giovanni Augusto(1) (Wesley Bigú); Maurinho (Alvinho(1)) e Rodrigo Silva(1). Técnico: Roberto Fernandes.
ASA(1): Marcão; Jorginho, Cássio, Wellington e Thallysson; Jorginho, Gláuber (Diego Clementino), Basílio (Clayton Domingues) e Diego Rosa; Elionar Bombinha(1) (Wanderson) e Lúcio Maranhão. Técnico: Heron Ferreira.

ABC é goleado pelo ASA e segue na lanterna

quarta-feira, agosto 21st, 2013

Por Diego Ivan, do Papo Alvinegro.

Com Roberto Fernandes de sacanagem o ABC perde por 4 a 0 para o ASA em Arapiraca. Gols de Bombinha, Wanderson, Valdivia e Micael.

Brincadeira a escalação do ABC para este jogo. Roberto Fernandes só pode estar de sacanagem, mesmo considerando os cinco desfalques que a equipe tinha para o jogo. Mesmo assim não dá para inventar tanto sem que isso não cobre um preço exagerado. Por que não manteve o 4-3-1-2 das ultimas rodadas? Foi apostar num 3-5-2 e “cagou o cibasol”.

Não vou comentar o jogo, já que adotei a tática Gustavo Lucena para jogos do ABC; quando eu vi Leandro Cardoso e Vinicius no time titular eu simplesmente não vi mais a partida, ou pelo menos não prestei mais atenção.

Roberto Fernandes comanda o ABC em nova derrota (Foto site do ABC)

O ABC volta a campo na sexta-feira dia 30 de agosto, as 21:00hs em Florianópolis, quando visitará o Avaí pela 18ª rodada da Série B.

Ficha Técnica

Local: Estádio Coaracy Fonseca, Arapiraca/AL.

Árbitro: Valdicleuson Silva da Costa (AP).

Assistente 1: Vicente Romano Neto (SP).

Assistente 2: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP).

4º Arbitro: Charles Hebert Cavalcante Ferreira (AL).

ASA(4): Gilson, Micael(1), Samuel e Fabiano (Tiago Garça); Maikon, Glaybson (Clayton Domingues), Jorginho, Valdivia(1) e Chiquinho; Elionar Bombinha(1) e Wanderson(1) (Jefferson Maranhense). Técnico: Leandro Campos.

ABC(0): Lopes, Flávio Boaventura, Leandro Cardoso e Vinícius (Felipe Alves); Bileu, Leandro Santos, Rodrigo Santos (Pingo), Alexandre e Guto; Alvinho (Mael) e Rodrigo Silva. Técnico: Roberto Fernandes.

eXTReMe Tracker