WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY form_name VARCHAR(127) CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY field_name VARCHAR(127) CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY field_value longtext CHARACTER SET utf8

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD COLUMN `field_order` INTEGER

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD COLUMN `file` LONGBLOB

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `submit_time_idx` ( `submit_time` )

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` MODIFY COLUMN submit_time DECIMAL(16,4) NOT NULL

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `form_name_idx` ( `form_name` )

WordPress database error: [Table 'futepoca1.sb_cf7dbplugin_submits' doesn't exist]
ALTER TABLE `sb_cf7dbplugin_submits` ADD INDEX `form_name_field_name_idx` ( `form_name`, `field_name` )

Wellington

Posts Tagged ‘Wellington’

Em defesa do goleiro Wellington

quarta-feira, agosto 24th, 2011

Via: @oPapoAlvinegro
Leia a íntegra


Veja os gols de ABC 2 X 2 Grêmio Barueri

quarta-feira, agosto 17th, 2011

Por Diego Ivan, do Papo Alvinegro.

Essa perseguição a Wellington tá demais. O goleiro não teve culpa no primeiro gol do Barueri. (Foto Wellington Rocha)

 

As lições da derrota do Figueirense

segunda-feira, maio 25th, 2009

O jogo se anunciava difícil e de fato foi. A vitória da Portuguesa foi merecida, pois o time paulista se mostrou mais organizado, entrosado e eficiente. Marcou forte o Figueirense, aproveitou as poucas chances que criou e segurou a bola quando foi preciso.

A Lusa se confirmou como o adversário mais difícil que o Figueirense teve nestas três rodadas iniciais da série B. O resultado e, principalmente, o desempenho do Furacão Alvinegro mostraram é que preciso ajustar muita coisa ainda.

A primeira é que Lucas faz uma falta danada à equipe. Nem Wellington nem Anderson Pico conseguem produzir boas jogadas no nível que Lucas consegue. Como Kássio ainda não assumiu o protagonismo na criação de jogadas, exigido para um meia, e Pedrinho ainda não mostrou que pode fazer a diferença, o time sofre para levar perigo, especialmente contra adversários fechados. Ainda mais jogando no 4-4-2, sistema no qual os laterais não podem avançar tanto como apoiam quando a defesa é composta por três zagueiros. Assim, a vinda de Egídio para a lateral esquerda pode ser importante. Pico continua abaixo do que se espera dele, enquanto Wellington está longe de ser o jogador que o Figueira precisa para a posição, notadamente depois do faniquito de hoje antes da cobrança do pênalti.

A equipe precisa de mais qualidade. Uma análise mais imediata mostra então que as laterais, as meias e a zaga precisam de jogadores melhores. Perone, no primeiro tempo deste sábado, mostrou pela, enésima vez, que não pode ser titular. É o mesmo caso de Anderson Luís. Pode ser que em outro clube encontre seu caminho. Aqui, em mais de um ano, errou muito mais do que acertou.

O segundo ajuste reside na necessidade de ainda trabalhar o emocional dos jogadores. Apesar de vários jogadores não terem participado da campanha do rebaixamento no ano passado, o time ainda se desestrutura quando sofre um gol. Foi assim quando tomou o um a zero. Foi assim quando a Lusa fez 2 a 0.

Para não “desmontar” quando sai atrás no placar, um time precisa estar bem entrosado, bem preparado, mas também com a cabeça no lugar. Esse estágio o Figueira ainda não atingiu. É algo que precisa avançar para o Figueira continuar entre os ponteiros da série B.

O Figueira não está pronto. A derrota para a Portuguesa, ainda na terceira rodada do campeonato, mostra que o Furacão Alvinegro precisa continuar corrigindo suas deficiências para fazer a campanha que se espera dele.

Por Ney Pacheco, do Furacão Alvinegro. Continue lendo aqui.

eXTReMe Tracker